sexta-feira, 3 de outubro de 2008

...A Luz


Apaga-se a luz nos dias compridos sem um “ai Jesus!” sem sinal da cruz nem som de gemidos. É a luz que se apaga e não digo um ai não perco os sentidos nem falo da chaga que por vezes mói nem procuro paga p’los dias doridos. Deixa, a luz apaga eu vivo sem ela acendo no peito o sol duma vela
http://mulher50a60.weblog.com.pt/arquivo/2006/05/apagase_a_luz.html

4 comentários:

JBorges disse...

mais um belo trabalho com um poema cheio de sentimento, adorei, parabens, bjinho.

Lenita Nabais disse...

Linda foto, Amiga... e que bela mensagem! Pois é: uma vela não perde a sua LUZ, quando dá chama a outra vela! Abraço com muita LUZ*****************************

NAlex disse...

Linda esta tua imagem, um trabalho qse q perfeito numa foto cheia de beleza, um belo conjunto bem trabalhado amiga... adorei.
Cumprimentos,

dadi49 disse...

Lindoooooooo.... Obrigada por me dar a conhecer o seu Blog...
Parabens...
dulce costa